Traindo em plena lua de mel – Parte 1

 

Boa tarde meus queridos, meu nome é Amanda. Sou branquinha, loira de olhos verdes, tenho um corpo bonito tenho seios médios e minha barriga é bem durinha, tenho orgulho das minhas coxas que são grossas nada muito exagerado de panicat gente, sou normal tenho apenas um corpo um pouco bonito segundo meu marido e alguns.. ficantes rs, tenho 22 anos e sempre fui muito safadinha na cama, desde que perdi minha virgindade aos 14 anos. O que irei relatar agora aconteceu no dia do meu casamento a dois anos atrás, conheci meu namorado quando tinha 18 anos, ele é bem de vida, um rapaz bacana, ele é um pouco mais alto do que eu, tem um corpo comun, não é sarado por que não gosta de academia, mas também não chega a ser gordo, tá mais pra quase fofo, rs.

Seguindo .. eu e meu namorado nos conhemos numa rave que sempre tem aqui onde eu moro, moro no Espírito Santo mas precisamente em vitória. O nome do meu namorado para guardar a identidade dele vou chamá-lo de Rafael.
Desde que nos conhemos sempre fomos muito regados a bastante sexo, sempre gostei de ser explorada pelos homens com quem fico, sempre gostei de ser abusada e de explorar tudo que se relaciona ao sexo em si, gosto disso, amo sexo desde pequena e assim foi por todo meu ensino médio desde que perdi a virgindade, quando conheci meu namorado as coisas não mudaram muito, continuei a fazer muito sexo com ele mas faltava sempre algo, e eu nunca descobria oque era.
Então… tudo continuava bem, brincavamos muito, faziamos muito sexo sempre, mas como eu disse antes faltava algo em mim, mesmo que ele me deixasse satisfeita, mas continuamos juntos pois eu gostava dele e da vida que ele me dava. Quando me formei no meu curso técnico de edificações começei a trabalhar numa construtora aqui no estado, trabalhando na minha área mesmo, Rafael me ligou e saimos a noite para comer algo, foi quando ele fez o pedido de casamento e eu aceitei, passaram-se uns meses e o grande dia chegou, cachiei meus cabelos,lisos e coloquei um vestido lindo, nunca vi um mais bonito, nos casamos na igreja e foi tudo perfeito, iriamos para o aeroporto no fim da nossa festa para curtirmos nossa lua de mel fora do país, iriamos para o méxico passar uns dias no caribe e de lá voltaríamos de cruzeiro para casa, até ai tudo bem, claro que eu já estava muito fogosa e doida pra transar com meu marido, mas podia esperar, então continuamos e nos divertimos muito na festa, meu marido bebeu muito, eu não sou do tipo de mulher que bebe entao bebi algumas tacinhas de vinho e dancei muito com minhas amigas e umas primas, logo que a festa acabou fomos pro apartamento que compramos haviam poucos meses e lá nos trocamos para viajar, como eu sabia que iriamos para um lugar quente, coloquei roupas bem justinhas e curtinhas na minha mala, apenas para o calor, blusinhas que deixavam meu umbigo a mostra, e shortinhos pequenos, calcinhas bem pequenas ( que nao chegavam a ser totalmente fio dental pois não gosto, gosto das que tem um pedacinho de pano e que o restante fica todo enfiadinho na bundinha ) então assim me arrumei pra viajar, coloquei uma sainha pequena uma calcinha bem pequena branca e uma blusinha que abotoava na frente e mostrava levemente um pedaço da minha barriga embaixo, que mesmo que eu sentasse ela continuaria mostrando, e um sutiã da mesma cor da minha calcinha, coloquei um tamanco preto e fomos pro aeroporto, chegando lá fizemos todos os tramites e já estava quase na hora do voo, então já embarcamos, nos sentamos e meu marido dormiu logo após nos sentarmos, ele ficou sentado na janela e como as nossas poltronas eram naqueles aviões que tem 3 lugares eu fiquei bem no meio, onde outro homem se sentou, um senhor até bonito, mas não reparei muito, tinha acabado de me casar, então meu marido resolve por a mão em cima da minha coxa, e ficou levantando um pouco minha saia, que ja era curtinha, mostrando assim ainda mais as minhas coxas, eu percebi que o senhor estava olhando aquilo e dei um brigueiro com meu marido e ele voltou a dormir, seria um longo vôo de 8 horas.
Durante o voo, o senhor começou a conversar comigo, perguntou se tínhamos nos casado a pouco tempo, eu disse que estávamos em lua de mel, ele me contou que era casado a algum tempo também e que estava viajando a serviço e assim foi, conversamos por bastante tempo e acabamos fazendo amizade, vou chamá-lo de pedro para guardar sua identidade, pedro era muito simpático e educado e me chamou pra tomar algo ali dentro do avião mesmo, disse que não bebia, mas pela situação tomaria algo com ele. Ficamos tomando vinho e conversando e em dado momento reparei que sua mão havia pousado sobre a pele da minha coxa já haviam alguns minutos, e ficava passeando por ali, como sempre me depilo toda, estava bem lisinha, e acabei gostando do carinho e fui deixando pra ver até onde aquele homem iria, continuamos conversando e começamos a falar sobre sexo, ele começou a me contar sobre sua esposa, que não o procurava há meses e que ele ficava com outras meninas para se satisfazer pois não tinha mais prazer algum em casa, acabei me comovendo por ele e falei que era uma pena, pois ele parecia ser um marido fantástico. Ele apenas me olhou fixamente e puxou minha cabeça até ele e me deu um beijo, um longo e molhado beijo, fiquei com medo e parei, pois meu parido estava ali do lado, mas aquele beijo me acendeu, e senti um tesão que não sentia a muito tempo com o meu marido, e epliquei isso para o Pedro. Virei pra ele e falei “Olha, aqui não podemos fazer nada, mas podiamos explorar o banheiro do avião enquanto meu marido dorme, o que você acha? talvez eu possa até te aliviar já que sua esposa não o faz, me encontra no banheiro feminino daqui uns 5 minutos” , ele apenas concordou, enquanto eu me preparava para levantar meu marido se mexeu, dei um beijinho nele e falei que ia ao banheiro, ele nem falou nada e virou para o lado da janela para continuar dormindo, entrei no banheiro e esperei, quando ouço a porta abrir e vejo pedro entrando naquele banheirinho de avião que mal cabe uma pessoa, estavamos espremidíssmos ali dentro, mas estava uma delicia, nos beijávamos muito e Pedro já passava a mão por todo meu corpo, estava me deixando excitadíssima ali então deixei ele tirar minha blusa e meu sutiã para poder chupar meus peitos e assim ele o fez por algum tempo, enquanto eu passava a mão por cima do pal de Pedro, o pal dele não era gigante, era médio, mas estava muito duro e parecia ser muito gostoso, então pedi pra que ele parasse e me sentei no vazo e pedi pra que ele tirasse as calças, ele disse que só tiraria se eu ficasse totalmente pelada ali com ele, então eu aceitei e tirei toda minha roupa, dobrei e coloquei em cima de um apoio dentro do banheiro, me sentei de novo e abaixei as calças dele, o pal dele era muito bonito, e me deu uma vontade enorme de chupar ele, comecei lambendo só a cabecinha bem devagar e fiquei chupando ela, por bastante tempo até que ele puxou minha cabeça fincando ele inteiro dentro da minha boca, dei uma engasgada mas continuei colocando todo o pal dele na boca, tirava e chupava o saco por um tempo, e voltava ao corpo do pal dele, passei a mão em seu cuzinho e vi que ele adorou então me abaixei um pouco mais e mandei ele por a perna pra cima então enquanto batia uma punheta gostosa pra ele, chupava seu cuzinho e voltava lambendo seu saco até colocar todo seu pal na boca de novo, adoro chupar assim bem gostoso, sem preconceitos, adoro que o homem não ligue e me deixe chupar o seu cozinho, é uma delicia, e assim ficamos até que ele disse que iria gozar, pedi pra ele “Me da leitinho na boca Pedro?” então ele colocou a cabeça do pal na entrada da minha boca e gozou, gozou bastante até deu pra dar uma golada bem grande, ele então pediu pra tirar fotos minhas antes de engolir, eu deixei, e ele pegou seu celular e foi tirando varias fotos até filmou o momento em que eu engolia seu esperma, delicioso, depois disso, ele saiu do banheiro levando minha calcinha e meu sutiã, disse que queria que eu voltasse pro meu marido sem eles e queria me ver dar um beijo gostoso no meu marido sem que eu lavasse a boca, apenas concordei e voltei pro meu lugar do jeito que ele pediu, e ainda voltei descalça pois fui assim até o banheiro pra fazer menos barulho, chegando lá meu marido havia acordado e estava conversando com o Pedro,cheguei e dei um beijao em meu marido e me sentei novamente, quando eu percebi que eu mal sabia que os dois trabalhavam na mesma empresa e que os dois se conheciam à muito tempo, percebi quando meu marido o apresentou dizendo até o cargo que pedro ocupava era acima do cargo que meu marido ocupava dentro da empresa, e a viagem continuou…

Me falem oque acharam que continuo publicando… tem muito mais de onde veio essa.

Sexo por Telefone

Uma resposta para “Traindo em plena lua de mel – Parte 1”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *