Me Exibindo para os pedreiros

 

Sempre tive certeza que meu marido era um verdadeiro galinha e pôr isso queria dar um castigo nele , queria mostrar para ele que se ele não cuida-se de min, outros cuidariam , afinal sou uma mulher de 31 anos mas faço caminhadas todos os dias e consigo me manter em forma , pôr falar em formas vou tentar me descrever um pouco para vocês terem idéia de como eu sou , bem sou baixinha tenho 1,64 metros de altura na qual distribuo meus 56 quilos pôr toda uma

extensão de pele bem branquinha, tenho cabelos cacheados compridos ate na altura de um palmo abaixo dos ombros, na cor natural de castanho claro, mas sempre gostei de tingi-los de ruivo, para ficar assim estilo mulher fatal, rsss. Não gosto muito dos meus seios pois eles são pequenos não do tipo que não tem nada a famosa tábua, deus que me livre, mas são pequenos sabe não e aquele peitão que chama a atenção, em compensação aos seios pequenos pelo menos, “Deus” , caprichou em uma parte do meu corpo, me mandou com uma bunda muito linda, bem redondinha , formosa, empinadinha , cheinha, cheirosa , gulosa e bem volumosa daquelas que chamam atenção tanto de homens como de mulheres enfim a tal da bunda gostosa , onde eu vou andando da para sentir os olhos dos homens secando ficam olhando com os olhos fixos , meu marido fala que minha bunda parece um coração, só para ter uma idéia qualquer roupa que eu vista tanto calça como vestido da para notar a protuberância formada pela volume da minha bunda.
Mas voltando para o acontecido como estava desconfiada do meu marido eu comecei a ficar só observando os movimentos dele, olhava em seus bolsos, no celular e conversas dele na extensão um dia ele atendeu o telefone e eu corri para a extensão, era um pedreiro que iria reformar o banheiro, marcou para se encontrar com ele aqui em casa para avaliar o tal banheiro, ate então tudo bem, estava ate aliviada ! Não era outra mulher, mas derrepente me bateu uma idéia, seria o momento ideal para castigar ele. Meu marido sempre comprou roupas provocantes tipo minisaia, shortinhos, calcinhas então, as bem pequenas para usar em momentos especiais , e que ele adora ficar olhando e olhando antes de partir para o ataque. Fingindo que não sabia nada sobre o encontro aqui em casa com o pedreiro, eu caprichei no visual coloquei uma calcinha vermelha minúscula daquelas que meu marido adora, que fica socadíssina na bunda, atrás só fica aparecendo o triângulozinho formado pelo tecido logo a cima da bunda o resto não aparece nada, pois fica tudo enfiado no rego ainda mais que minha bunda e daquelas chamadas “gulosas” que engole todo o tipo de tecido, sabe , você vesti uma calça pronto, já vai entrando na bunda deixando ela como se diz, vestida a vácuo, rsss , o tecido fica tão lá no fundo do rego que aperta meu cuzinho de uma maneira deliciosa, querendo entrar. Na frente o tecido da calcinha se ajusta e se estica mostrando perfeitamente todas as dobrinhas e reentrâncias do meu corpo deixando assim em destaque previlegiado o montinho formado pela minha xaninha ,que e do tipo gordinha daquelas bem estufadinha e salientes , pôr cima da calcinha um shortinho amarelo todo de lycra que eu tenho que e bem pequeno mas pequeno mesmo, comprei ele com 2 numeros menores que o meu normal, só usava ele no quarto para meu marido ficar olhando, não usava ele nem para ir na cozinha, pois ele parece mais uma calcinha , fica como uma Segunda pele de tão agarrado no corpo, esticando tanto o tecido que fica transparente, que pode ver sem problema algum a calcinha e seus detalhes, o shortinho some na bunda fica escondido no fundo do rego junto com a calcinha, então minha bunda fica praticamente toda visível, com a parte de frente em destaque pôr causa do montinho formado que por estar sendo apertado ainda mais pelo meu shortinho, que por causa da costura que tem no meio do shortinho acaba dividindo minha xaninha no meio , formando como meu marido mesmo fala um capo de fusca, e uma camisetinha branca folgadinha amarrada na cintura que e para deixar toda a parte de baixo assim bem a mostra ,e para fechar o quadro de ruiva fatal um tamanquinho preto de salto alto nos pés, bem estava pronta!
Para dar um clima de “natural na cena “ escolhi para ser pega em “flagrante” a lavanderia pois para entrarem em casa para verem o tal banheiro a ser reformado eles passariam pela garagem e como a lavanderia fica no fundo da garagem e o tanque de lavar roupa fica virado para a parede do fundo e com isto para lavar roupa eu tenho que ficar de costas para a entrada da garagem, seria o local ideal.
Fiquei na janela esperando a chegada deles. Vejo um carro andando bem devagar tipo procurando um endereço , pensei só pode ser o pedreiro corri para a lavanderia e fiquei lá , “lavando roupas”, com a bunda virada para a entrada da garagem. Como a campainha fica bem no portão da garagem sei que quando ele descesse do carro para apertar a campainha, ele poderia me ver pela fresta do portão , escutei abrirem as portas do carro , nossa era mais de um homem, ai eu me afastei um pouco mais do tanque e me abaixei bastante deixando minha bunda bem empinada , pela posição que eu estava eles deveriam ver tudo desde minha xaninha até o meu cuzinho tentando engolir o tecido da calcinha , desceram do carro , podia escutar as conversas deles, se aproximando do portão , derrepente não falaram mais nada ficaram em silencio absoluto e também não apertavam a campainha estavam lá no portão provavelmente só me olhando pelas frestas, ai eu aproveitei ,me abaixava para pegar uma peça de roupa no chão isso tudo sem olhar para trás , me abaixava sem dobrar os joelhos só para provocar, fingi que o ralo estava entupido e me ajoelhei no chão ficando de 4 para o portão e olhando o cano em baixo do tanque, fiquei alguns segundos assim de 4 com a cabeça bem baixa e a bunda bem para cima e dava umas leves reboladinhas , nossa o silencio estava me deixando louca de tesão , quando escutei outro carro chegando, era meu marido, ia me levantar quando ouvi ao longe meu marido no celular, e jogou a chave para os rapazes falando:
– Vão entrando que minha mulher mostra tudo ai para vocês. Que eu já vou!
Continuei na mesma posição que estava, olhando o cano em baixo do tanque , escutei eles rindo e falando baixinho:
– Tudo bem doutor.
Abriram bem devagar o portão sem fazer nada de barulho e eu fingindo que não notei a presença deles fiquei ali de 4 com a bunda virada para eles, ai eles perguntaram:
– Dona a senhora quer ajuda para desintupir o ralo?
Me levantei rapidamente “rindo sem jeito” e falando:
– Não tudo bem acho que já esta desintupida agora.
Pude ver eles eram em 4 Homens, 1 negro, mais velho , forte , alto um gigante e com uns 55 anos , o outro também meio velho com uns 50 anos baixinho , bem gordo e todo suado. Os outros eram garotos jovens de uns 18 anos no máximo , um negrinho bem magrinho mas bem alto e o outro com cara de nordestinos baixinho mas super musculoso e todos eles deliciosamentes sujos de obra, eles foram vindo em minha direção andando bem devagar me olhando sem qualquer pudor mantinham os olhos passeando pôr todo meu corpo, mas principalmente na minha bunda e na minha xaninha, chegaram a uns 2 metros de mim e pararam e só ai que eles olharam para meu rosto, nossa eu deveria estar vermelha de vergonha, nunca tinha sido “secada “ assim de uma forma tão sem vergonha, ai eu falei me virando de bunda para eles e continuando a lavar roupas:
– Não tudo bem , só estou terminado umas roupinhas.
Me enclinei para frente para lavar a roupa cuidando para dar uma boa empinada na bunda , senti os suspiros e escutei eles cochixando bem baixinho:
– Nossa que rabo tesão, cara vamos trabalhar aqui nem que seja de graca, porque este rabao nos
vamos ter que comer. Veja só que puta gostosa cara que rabão tesão , branquinho , que guloso e safado, veja como engole toda a calcinha ,a calcinha desta puta ai some na bunda , nossa da para ver ate o cu desta puta . Meu não e possivel esta vagabunda ai quer dar o cuzão veja como ela esta mostrando para nos ,cara que tesão este cu , aposto meu salário todo que ela esta louca para levar pau neste rabo, e mais, engole qualquer bitola de pica pelo rabo.
Meu marido entrou no portão e parou petrificado nos olhando , vendo eu mostrando com gosto a bunda bem empinada e eles bem pertinho de min coçando o pau pôr cima da calça com os olhos pregados na minha bunda , meu marido falou :
– “Mor” eles vieram reformar o banheiro.
Ai eu me virei de frente para eles, que estavam com os olhos pregados na minha bunda e depois na xaninha e falei:
– Ai, “mor” que bom assim eles podem começar de uma vez esta reforma. Venham atrás de min que vou mostrar “tudo” para vocês
Eles nem olhavam para o meu rosto, ficavam olhando na maior cara de pau para minha bunda, nem ai com a presença do meu marido. Se olharam entre eles, riram e falaram:
– Claro Dona , já que a senhora vai nos mostrar “tudo” vamos seguir da senhora, pode ficar a vontade para mostrar ,que estamos olhando tudo com bastante atenção cada detalhe, mostre “tudo”para gente ver bem.
Eu fui andando na frente deles toda exibida andando bem devagarinho e cuidando para rebolar bem gostoso e provocantemente, parei de costas para eles virei só com a minha cabeça para trás, vi que meu marido ficou sem saber oque fazer, ficou lá parado imóvel, olhei para os rapazes , com a aquela carinha de mulher safada, eles estavam olhando minha bunda e alisavam o pau de uma maneira discreta mas bem tarados, ai falei :
– “Mor” você não vem ver também .
Os rapazes se adiantaram, falando:
– Não se preocupe Dona a gente sabe como e estes empresários sempre são ocupados , tudo bem a Senhora pode mostrar “tudo” para nos, e melhor quando a mulher mostrar assim sozinha ,não sofre influencia do marido que sempre acha motivo que isto ou aquilo não vai dar certo ou vai ficar caro, agora , com a senhora sozinha, pode Ter certeza que vai “dar”, vai dar tudo bem certinho, vai poder se soltar fazer tudo como gosta e como quer , pois estamos aqui para fazer tudo oque a senhora mandar.
Sorri para eles me virei e continuei andando na frente deles sempre cuidando para deixar eles apreciando meu rebolado e mostrando a casa para eles cheguei na porta da cozinha e parei abruptamente e falei:
– Olhem esta e a cozinha.
Eles com os olhos pregados na minha bunda falaram:
– Nossa Dona que “cuzinha” gostosa, da vontade de entrar nela e não sair mais de dentro so para apreveitar bem.
Eu ri e falei:
– eu sei eu também adoro a minha cozinha
– Mas também Dona não e para menos com uma “cuzinha “ dessas ,nossa, ai se eu tivesse uma dessa em casa.
Fui subindo as escadas na frente deles , e eles atras como um bando de cachorrinhos bem próximos se apertando e se empurrando para ficarem mais perto, pôr sorte eu realmente tropecei na escada e cai para frente , segurei minha queda com as mãos na frente e com isto minha bunda ficou quase na cara deles, O gigante mais do que depressa me segurou, senti duas mãos gigantes me segurando com forca pelas ancas , me puxou com forca ,como que para me proteger da queda, ao encontro do seu corpo, me encoxando maravilhosamente , fiquei totalmente encostada nele senti toda envergadura do pauzao na minha bunda, ele com a respiração já ofegante:
– Cuidado Dona , senão a senhora pode se machucar … não se machucou ? Tem certeza.
Falou isso sem me largar, e ajeitando minha bunda, com as maozonas na minha cintura, contra seu pauzao que estava sendo pressionado bem no meio do da minha bunda que com a pressão do aperto, as nádegas cederam e o pauzao ficou encaixadinho bem certinho no rego da bunda, cheguei a sentir o pauzão pressionando minha calcinha contra meu cuzinho , e foi se certificando com as mãos em meu corpo se estava tudo bem.
– Tem certeza mesmo dona, estas quedas que são perigosas, pois pode dar uma torção.
Foi falando e as mãos dele começou a percorrer minhas pernas ,para ver na tinha se machucado com uma torção ou algo assim, vinha desde da minha panturrilha e veio subindo com aquela maozona gigante espalmada , veio subindo e subindo pôr trás na minha perna deslizando agora pelas minhas coxas e ai ele encheu a maozona na minha bunda , que foi totalmente envolvida pelas maozonas dele e dando uma leve apertadadinha que cheguei a sentir os dedos dele tanto na minha bunda como bem pertinho da minha xaninha por baixo na virilha, mas tudo isto em rapidos segundos, ai eu falei:
– Não tudo bem você e muito atencioso, mas não me machuquei não, não se preocupe, pode me soltar agora que acho que não vou mais cair.
Descolei-me do colo dele , notei que ate meu shortinho tinha entrada mais fundo ainda no rego da bunda, me levantei sempre virada de costas para eles arrumei meu shortinho e minha calcinha , senti que a cara deles estavam a alguns centímetros da minha bunda, enquanto com as pontas dos dedos eu tirava o tecido do shortinho de dentro da bunda e ajeitava a calcinha que entrou tao profundamente no rego que estava machucando meu cuzinho , enfim daquele jeito ,que nos mulheres, fazemos na rua quando queremos provocar alguém.
E fui andando em direção ao banheiro, lógico sempre andando devagar e toda rebolativa e exibida na frente deles, quando chegamos no banheiro entrei e eles rapidamente entraram junto comigo, vi que minha calcinha usada estava em cima da tampa do cesto de roupa suja, e comecei a mostrar oque eu queria fazer aqui e ali como queria que fosse a mudança ,para mostra coisas altas ficava toda empinadinha na pontinha dos pes, e eles iam perguntando, eu ficava sempre de costas para eles e só virava a cabeca para olha-los, com carinha de safadinha ,rsss e eles, nossa estavam tarados na minha bunda , era um banheiro pequeno ,eles estavam com os corpos bem próximos ao meu, com isto sempre dava um jeitinho de dar uma resbaladinha com a bunda em um e no outro ,o gordo sempre dava um jeito de ficar atras de mim, aquele cheiro de homem suado estava me deixando maluca de tesao adoro cheiro de suor, o gordo nossa, este suava direto estava todo molhado já , eu morrendo de tesao dei um passinho para tras e encostei minha bunda na barriga dele e fiquei assim , sentindo a barriga dele molhando minha bunda, enquanto mostrava para o gigante negro como eu queria a pia ficasse, quando eu olhei de novo, minha calcinha, já não estava mais na tampa do cesto, bem mostrei tudo para eles , como eu queria que ficasse mas que pagamento eles teriam que falar com meu marido.
Bem nessa hora ele estava vindo, ai os rapazes meio que se afastaram de mim um pouco e falaram:
– Olha Doutor a sua Senhora quer uma coisa caprichada , bem feita e acho que nos podemos dar conta do recado, tenho certeza que com o nosso trabalho ela nunca mais vai nos esquecer e aposto que sempre que ela prescisar de um servico desse vai dar direto para nos ,não sei o valor que o senhor tem dos outros mas a gente aqui faz para o senhor tudo por R$120,00 e podemos iniciar amanha já.
Ai meu marido feliz da vida falou:
– Perfeito podem comecar amanha mesmo entao, mas quantos dias vai demorar a reforma.
Enquanto estavam conversando eu fui atras do meu marido e abracei ele por tras como ele e mais alto tenho que ficar na ponta dos pés , e nisso os 2 garotos deixaram os velhos negociando com o meu marido e foram andando discretamente atrás de min e meu marido, quando percebi que estavam aprontado, eu abri mais a perna e fiquei mais ainda na ponta dos pés, escutava eles cochichando bem baixinho:
– Cara, olha só que puta.
– nunca comi uma bunda tao gostosa assim, voce viu a encoxada que o joao deu na bunda dela, e ela nem ai cara aposto que estava adorando
– Se vi ,deu para ver que a bunda dela chegar abrir com a encoxada rsssss. Que puta !
– E quando ela tirou então o shortinho de dentro do rabo
E nisso a negociação seguia o seu ritmo:
– Olha Doutor pode por ai um mês de servico, e isto com nos em 4 trabalhando
Meu marido não se convenceu:
– Mas não, e muito tempo, oque podemos fazer para ir mais rapido
Vi o brilho no olho do gordo que falou:
– Olha doutor pordemos entao fazer um mutirao oque o Senhor acha.
E eu escutando a conversa dos meninos
– Cara o shortinho veio la do fundo do rabo dela rssss aposto que o pau o joao empurrou tudo la dentro rssss.
– nossa quase cai de boca no rabao desta puta aquela hora
– eu quase cai de boca quando ele enfiou os dedos dentro do rabo para puxar a calcinha, nossa esta calcinha eu pagava para Ter
– e mesmo pois olhe aqui oque eu roubei no banheiro dela
– tesao cara uma calcinha usada rssss.
– E da uma cheirada .
– Cara que tesao a caclinha tem cheiro de cu, tesao demais
– Tambem olha so como fica a calcinha dela , veja so fica enfiada toda no rabo
Voltando na negociação.
O gigante com um sorriso nos labios:
– E Doutor ai podemos ir bem mais rapido mesmo.
– Mas quantas pessoas?
O gordo bem rapido:
– podemos trazer a equipe, ai vamos atender a todos os pedidos da sua senhora. Durante 10 dias
Meu marido na duvida me perguntou:
Os garotos
– estou vendo, o shortinho dela e todo transparente da para ver tudo
– vc quer dizer oque não ve rssss
– e, pois some tudo na bunda da safada rssss
na negociação meu marido me perguntou:
– “mor” oque vc acha , acho melhor eles ficarem so 10 dias com a equipe toda do que ficar ai um mês .
Estava meio assustada, mas não podia deixar que meu marido descobrisse que eu estava concientemente me exibindo para eles, e escutei os garotos falando bem baixinho:
– cara vc ouviu vem todo mundo, meu deus nos vamos estuprar esta puta ai cara rssss
– rsssss se vi , quero arregacar o cu desta piranha
Já meio que querendo não mais fazer a tal reforma falei:
– “mor”, não sei não e se deixassemos esta reforma para…, sei la para o inverno.
Ai o Gigante negro olhou bem dentro dos meus olhos e falou com um sorriso safado:
– Olha dona tenho certeza que a senhora vai adorar nosso trabalho, pois todos nos os 12 adoramos oque fazemos.
E meu marido foi taxativo
– Há, não “mor”, vamos fazer de uma fez, se não a gente gasta o dinheiro em outra coisa e não faz mais nada, esta decidido podem vir toda a equipe, para terminar o mais rapido possivel .
Com um Sorriso largo na cara o gigante falou:
– Doutro o senhor não vai se arrepender, pode Ter certeza que o senhor esta fazendo um otimo negocio, e a sua senhora entao ela vai adorar melhor ela vai amar.
E o gordo lambendo discretamento os labios:
– E doutor vai ser maravilhoso mesmo
Escutei as risadas dos garotos atras de mim e eles falando baixinho:
– Cara vc ouviu, meu deus so de pensar que vou estar comendo esta puta safada , nossa vou comer aquele rabao tesao ali ate não aguentar mais. Ai que tesao cara
– Nem me fale cara, deus seja louvado eu nunca ia conseguir comer uam mulher assim tao linda e gostosa na vida, estou louco para comer ela já , agora mesmo.rssss
Meu marido todo feliz se ofereceu a acompanha-los ate o carro, foram descendo e rindo as escadas e todos eles foram se despedindo de min olhando minha xaninha que eu sentia ela toda encharcada. Estava nevosa, meu deus oque foi que eu fiz de um castigo para meu marido acabou ficando um castigo para mim, fui para frente do espelho me ver e percebi que realmente tinha exagerado e exagerado muito ,estava como uma puta , daquelas putas bem vulgares e safadas , ai que eu vi que o monte estufado formado pela minha xaninha era mais visivel que eu tinha pensado, quando de frente ele ficava em totalmente destacado e estava molhado , com a mancha bem aparente e atras o pouco de tecido que tinha estava totalmente trasparente tanto pelo esticar do tecido mas tambem por que a barriga do gordo suou tanto que molhou minha bunda e todo o pouco tecido do shortinho, ficando totalmente transparente , aparecia minha bunda engolindo com gula a calcinha.
Escuteu o trouxa do meu marido ainda falando:
– eu não vou estar aqui , mas e oque voces precisarem e so pedirem para minha esposa que ela da para vocês.
E os tarados rindo falando:
– Entao beleza ,doutor ate a manha.
Já estava ficando braba com meu marido
– Poxa amor porque vc não me avisou que eles viam ai, nossa eu teria me arrumado melhor.
– Ai amor que bobagem, sei que vc esta a vontade por estar em casa mas tudo bem eles são muito legais, adoraram a casa e falaram que vc e muito simpatica.
Eu estava ficando muito braba com ele e quase gritei:
– Mas mor nossa estou quase nua vc não viu que eles ficavam me secando não.
– Claro que vi amor afinal eles são homens não e, e tambem tem outra ne vc e tao linda se fosse feia ai tudo bem rsssss.
Por isso a melhor coisa e Ter assim um maridinho bomzinho. E conto depois como eles vieram para fazer a obra em outro conto.

Sexo por Telefone

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *