Sexo com minha esposa e o sobrinho

Vou usar nomes falsos por questões obviais, Vou me chamar Paulo, 35 anos, 1,70 m altura e uns 80 kg, pênis normal 16 cm, minha esposa Fernanda, 38 anos, 1,60 altura e uns 75 kg, pernas bonitas e um par de seios grandes e muito gostosos, poderia ter um pouco mais de bunda, mas mesmo assim e gostosa, como podem ver somos um casal normal, como somos casados há muitos anos a vida sexual andava meio franca e começamos a fantasiar situação na cama e percebemos que quando falávamos em transar com mais uma pessoa o tesão aumentava muito, um dia porem quase que sem querer passamos da ficção a realidade.


Certa noite minha cunhada pediu para deixar seu filho um final de semana em nossa cosa, pq ia viajar com o namorado, Bruno tem 1…Anos, moreno claro, baixinho (+/-) 1,60 de altura, pênis também pequeno uns 10 cm, mais com uma bundinha de fazer inveja a maioria das mulheres da família, na sexta-feira, quando fomos para cama começamos a conversar a e comentei como quem não quer nada que o Bruno estava crescido e que já devia estar comendo as meninas da rua, nisso a Fernanda disse que ele tinha um pau pequeno que devia ser bem gostoso dar o cuzinho pra ele e eu disse que adoraria acariciar aquela bunda gostosa, começamos a Imaginar como seria ele em nossa cama e foi uma loucura transamos como loucos, no sábado fomos os 3 a uma festa e quando voltamos resolvi transformar em realidade a fantasia da noite anterior, Fernanda foi tomar banho e depois foi para a cama, fiquei na sala com o Bruno e como estava passando o Cine Prive, comecei a puxar assunto de sexo, reparei que o pauzinho dele estava duro, perguntei se ele já tinha comido alguma menina e para minha surpresa disse que só tinha feito troca-troca com outro primo, fiz ele me contar os detalhes e fiquei com o tesão a flor da pele, falei que a Fernanda tinha bebido muito e que estava apagada na cama e propus que ele poderia passar a mão nela enquanto dormia, mas que depois teria que bater uma punheta pra mim, ficou meio indeciso, mas leve até a porta do quarto e mostrei a Fernanda deitada de costas só de calcinha e sutiã na cama, (Esqueci de contar que tinha combinada com a Fernanda que ela iria fingir que estava dormido) entrei no quarto deixando ele na porta, passei a mão, a língua, chupei os seus peitos grandes, enfiei um dedo na boceta, tudo para provar que ela não ia acordar, ele ficou a ponto de explodir de tesão, fui para perto dele e perguntei o que vai ser, vai para o eu quarto dormir ou vai topar o acordo, ele não agüentava mais e topou, com as mãos tremulas ele acaricio a bunda, a boceta, os peitos, deixei que ele chupasse um pouco os peitos e depois ensinei a lamber uma boceta (Fernanda gemia baixinho) no inicio ele assustou mas Garanti que ela não acordaria, quando estava pronto para gozar, fiz outro acordo: Quer gozar na boca da sua tia ? É só me fazer um boquete também… Desta vez ele topou de cara, mandei ele encostar o pintinho na boca da Fernanda, que fingindo dormir chupou bem devagar, enquanto eu acariciava a bunda dele, não demorou muito gozou, aproveitei a situação e já virei a cabeça dele de encontro com meu pau, no inicio ele tentou resistir mas forcei mais um pouco e avisei que se cumprisse sua parte ainda teria muito mais a ganhar, começou a chupar com mais vontade, não agüentei e puxei ele pro chão fazendo ou 69 ele como era muito novo quase não gozou, mas eu enchi sua boca de porra ele chegou a engasgar mas engoliu a maior parte, voltamos para sala conversamos mais um pouco vi que ele tinha adorado a transa, e disse que no dia seguinte teria algo muito melhor… Comeu o cuzinho da tia, o meu e deu o dele pra mim.
A segunda parte eu conto depois se alguém quiser, mas gostaria de corresponder com pessoas que tiveram algum tipo de Incesto.

Sexo por Telefone

Uma resposta para “Sexo com minha esposa e o sobrinho”

  1. Boa tarde muito bom seu conto seu já pratiquei com minha irmã gostaria de saber mais de vcs. Podemos conversar discretamente pelo.meu.e-mail([email protected]) ficarei no seu aguardo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *