Enrabando a Veterinária Safada

Naquele fim de tarde, entrei correndo no hospital Veterinário com meu Fox Terrier no colo. Bob estava brincando no quintal e pôs a pata no caco de vidro. O corte não foi grande, mas assustou todo mundo. Em poucos minutos, assumi o controle da situação e levei o cãozinho ao hospital. Na emergência, fui atendido pela Médica de Plantão. Uma morena linda, bronzeada, de pernas torneadas, seios pequenos e com aquele jeitinho recatado que me deixa louco. É claro que estava preocupado com Bob, mas aquela delícia mexeu com minha cabeça feito uma injeção de adrenalina.
Continue lendo “Enrabando a Veterinária Safada”

Sexo entre a Patroa e o Office-boy

Algo de estranho acontecia naquele escritório todo fim de tarde. Eram poucas as pessoas que ali trabalhavam: uma moça que atendia o telefone e agendava os trabalhos, um rapaz e uma moça que desempenhavam as funções, a patroa e o Office-boy, um jovem mulato de 20 anos.
A patroa: uma coroa de 47 anos, peituda, bunduda, tratava a todos muito bem, mas tinha um carinho especial pelo Office-boy, o Artur. Ah, o Artur era o docinho de coco da patroa, chegava até a causar uma espécie de ciúme entre os outros três empregados.
Se eles soubessem o que acontecia quando o expediente acabava! Os três se despediam e nunca repararam numa curiosidade: o Artur era sempre o último a sair, ficava inventando limpeza, arrumação, nunca saía com eles. Era o jeito de ele e a patroa esperarem todos descerem o elevador e quando eram vistos na rua, ela e o Artur sorriam, vitoriosos. Estavam a sós para fazer o que faziam quase todos os dias: transarem loucamente!
Continue lendo “Sexo entre a Patroa e o Office-boy”

Fodendo a minha prima bêbada

Oi… Sou Alcides, 1,73 de altura, Pau 21cm, olhos pretos… Cabelos médio, físico atleta. …bem vou partilhar com vocês minhas história.

Minha prima, vamos tratar ela por Laura, uma mulher de 1.68cm, tem uma bunda gostosa, peitões grandes e gostosos tem 24 e eu tenho 19.

Desde muito tempo já tive vontade de comer a buceta dela, uma vez fui ao banheiro e vi ela tomando banho. Vi peitões e a bunda gostosa dela… Vi ela lavando a xoxota e o pau ficou duro. Desde aquele dia fiquei apaixonado por ela.

Continue lendo “Fodendo a minha prima bêbada”

Fodendo gostoso com a minha enteada

Olá, sou o Paolo, tenho 42 anos, sou casado a 5 anos e tenho uma enteada de 19 chamada Juliana. Ela é linda, tem um corpo perfeito, peitos durinhos, pele levemente bronzeada e um rabo perfeito.

Ela tem cabelos loiros, olhos verdes e é um espetáculo de mulher. A safada sempre curtiu provocar, a mãe dela nunca percebeu já que é muito desligada, mas eu tava de olho em cada movimento, louco para comer essa safadinha e vou contar como rolou nossa primeira foda.

Um dia uma das amigas dela, uma mulata linda que também é putinha igual minha enteada, encheu a cara, deu em cima de mim e acabei com ela chupando minha rola no banheiro aqui de casa. Minha mulher é representante de uma empresa e vive viajando, para a minha sorte.

Continue lendo “Fodendo gostoso com a minha enteada”

Transei mas não gozei tio

Ola tudo bem com vocês, Hoje vou contar a primeira vez que trepei com um tio meu, o nome dele é Arthur… Eu tinha 18 anos na época e ele 39, ele está solteiro e pode não ser dos mais bonitos, mas me convenceu a transar com ele.Bom, tudo começou quando eu fui pra casa dele, numa tarde de sábado, de lá eu ia para a praia, que não é tão longe. Levei minhas coisas para lá, depois que eu voltasse da praia passaria na casa dele para pegar.Acontece que ele é tarado e pervertido, e como eu tenho um corpinho bom (não estou me achando, mas dizendo o que já me falaram várias vezes) ele sempre esteve de olho em mim.”Olha quem chegou, a praieira.” Ele falou, ele estava sem blusa, como sempre.”É tio, não tem problema

Continue lendo “Transei mas não gozei tio”

Dançando gostoso na piroca dele

Sozinha em casa totalmente a vontade de camisola e sem calcinha,ele chegou bem de mansinho sem que eu percebesse e ficou escondido me olhando dançar,não notei sua presença e me entregava a musica.ele vem por tras e me agarra,me pega os cabelos,gruda seu corpo ao meu e me faz senti-lo todo,seu pau grande,grosso,duro encostando em minha bunda redondinha,ele puxa a alça da camisola e toca meus seios grandes e volumosos,que estão de bico duros querendo seu toque…me morde o pescoço,fazendo um tremor forte percorrer meu corpo.diz no meu ouvido:minha puta,minha cadela,dança no meu pau…De camisola… roçando o cuzinho apertado na cabeça vermelhona…. Sem meter…. só na portinha… melando…

Continue lendo “Dançando gostoso na piroca dele”