Minha primeira transa com capa peniana

 

Tenho 43 anos, e já estou separado a alguns meses e morando sozinho, dia desses entre uma cerveja e outra num bar perto de casa conheci uma garçonete bem simpática, nova no bar. Sorridente e sempre atenta aos fregueses me chamou atenção por ter seios grandes e branquinhos que dava pra ver pela abertura da camisa, como conheço o dono e já temos alguma intimidade perguntei de cantinho sobre ela, funcionaria nova é? Qual a tua relação com ela? Ele disse que nada de mais, ela precisa do emprego e pelo movimento que começa no

verão ele abriu a vaga, mas ela estaria em teste ainda pra ver se dava conta do serviço, perguntei se poderia testar ela mais tarde, ele riu e disse pra tentar a sorte, mas não espantar a funcionaria, rimos e sentei a mesa pedindo mais uma cerveja, eles começaram a arrumar as mesas pois dias de semana la pela 01 da manha estão fechando, então me ofereci a acompanhar ela pois na conversa com o dono ele disse que ela estava morando bem perto dali, ela meio sem jeito recusou confirmando que seria apenas umas quadras e que essa hora não tinha problema já estava se acostumando, tomado de safadeza e com mais cerveja que o habitual, discordei e disse que não deixaria ela ir sozinha, pois mesmo morando ao contrario do caminho dela disse que iria pro mesmo lado, ela sorriu e com a cabeça fez sinal de positivo, vi quando olhou pro patrão buscando um sinal positivo ou negativo a meu respeito e ele atrás do caixa disse que fosse que ele fechava tudo, sendo assim em poucos minutos ela voltou já com outra blusa valorizando ainda mais aqueles peitos, caminhamos conversando sobre de onde ela era, o que fazia trabalhando por ali e morando e tal, conversa boba pra ter alguma chance de chegar no principal, quando me disse ser do interior e que havia se envolvido com um cara casado e se decepcionou e tal, levei ate a porta da casa dela, realmente perto do bar. Não agüentei e tentei dar um beijo nela, que evitou, mas fui de novo e ela cedeu, ficamos alguns minutos no muro em frente de amasso, não passava viva alma na rua, alguns carros ao longe, ela disse alugar um quarto e não poder ter visitas na casa, mas era nítido que estava com tesão também, sugeri a ela que pegasse alguma muda de roupa e viesse comigo, pois morava perto também, ela pensou uns segundos entrou e logo saiu com uma bolsa somente com que precisava pra trocar depois de um banho pro dia seguinte, fomos abraçados rua a fora ate meu AP, la logo foi ao banho saindo completamente nua, depiladinha e branquinha, visto o calor daquela noite eu também precisava jogar uma água por cima ate pra amenizar o efeito das cervejas, fiz rápido isso e encontrei ela na cama, ficamos nas caricias e beijos, um delicioso 69 saboreando aquela xoxota lisa rosadinha e melada, sendo lambido e sugado por uma boca deliciosa,transamos ate gozar juntos, deitados alguns minutos pra recuperar as forças e com bastante carinho e beijos e chupadas nos peitos deliciosos, foi quando puxei a gaveta do lado da cama pra pegar mais preservativos ela viu uma capa peniana e perguntou pra que eu usava um vibrador, expliquei a ela que não era um vibro e sim uma capa, que tinha comprado pra brincar com as amigas mas ainda estava sem uso, ela quis experimentar, coloquei a camisinha na capa, ate pra lubrificar melhor e por higiene, e coloquei meu pau dentro, empinei a bundinha dela deixando bem aberta a xoxota e meti os 19cm da capa numa socada só, ela gritou e remexeu a bunda ajeitando a socada, me deixando livre pra meter cada vez mais e mais rápido, entrava e saia e ela gemia alto, gozei dentro da capa, e meu pau permanecia duro ainda, quando ela ameaçou gozar, se jogou pra frente e se contorcia de tesão, mas pediu que continuasse metendo na xoxota, mas queria sentir no cuzinho também, tirei o pau da capa e coloquei outra camisinha nele, apontei ao cuzinho já piscando de vontade quando entrou ela gemeu, fiz força e meti mais um pouco, ela com a mão por baixo enfiou a capa na xoxota, senti quando passou pelo meu pau e começamos os movimentos conjuntos de entra e sai ate que gozamos de novo, exaustos nos jogamos na cama sem nem nos encostarmos pois não aguentávamos mais, logo dormimos ate amanhecer e despertamos nos despedindo com um delicioso 69 usando a capa é claro pra dar mais satisfação a ela. Teremos mais algumas safadezas a contar, pois desde que comprei a capa não a tinha usado, mas agora tinha um bom motivo pra usar.

Sexo por Telefone

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *