Minha esposa me fudeu com um consolo dotado

 

Noite de sábado, clima de romance e minha esposa preparou uma surpresa pra mim disse ela, um beijo quente, um amasso, senti deliciosamente sua bunda gostoso roçando no meu pau, mamei seu seios firmes e desci suavemente até sua buceta encharcada, lambi devagar passando delicadamente a língua em seu clitóris, gemidos e se contorcendo de tesão, descia a língua até o cuzinho delicioso dela, virei a de bruços e beijei, lambi e mordisquei sua bunda grande, redondinha e empinada, enfiei a cara e chupei seu cuzinho revezando em sua buceta, levantou e me beijou deitando me na cama e beijando meu corpo, mordeu e chupou meus peitinhos, desceu até meu pau e lambeu descendo até meu saco e começou a me chupar deliciosamente, mordia de leve a cabeça do meu pau e descia enfiando até sua garganta me fazendo delirar, de leve foi acariciando minha bunda, apalpando e acariciando, um boquete gostoso e acariciando meu saco foi descendo o dedo até meu cu, lambeu o dedo e foi enfiando devagar até entrar o dedo

inteiro, me chupando começou comer meu cuzinho com um dedo e depois dois, gemia e rebolava nos seus dedos delicados, virou me de bruços e dando um tapa forte na minha bunda disse que agora essa bunda era toda dela,e foi mordendo e surrando minha bundinha, enfiou a língua no meu cuzinho me fazendo gemer, tá gostoso meu viadinho? tá sim meu amor, me deu um tapão na bunda e num tom de raiva disse :me chama de meu macho!!! Tá bom meu macho, disse gemendo, enfiou de novo os dois dedos e começou a bombar na minha bunda, parou um minuto e me mandou ficar de olhos fechados, obedeci, ouvi a gaveta abrir e fechar e ela me disse pra ficar relaxado, senti um líquido gelado escorrer no meu rabo e passando a mão e espalhando deixou meu cuzinho melado, agora seu viadinho vou comer sua bunda kkkkkkkkkkk, riu e posicionou algo mais grosso e foi forçando devagar, relaxa amor, tô te comendo com um consolinho que comprei pra você, sabia que você iria curtir isso, é enfiou até o talo, ligou e o consolo começou a vibrar e mexer no meu rabo, ia tirando e enfiando, socando e forçando no cu, tirou e me mandou ficar de bruços e olhar para ela, vestiu um tipo de cinta na cintura e prendeu o consolo na cinta, ficou como se ela tivesse um pau, chegou perto e segurando minha cabeça me fez chupar o consolo, chupá meu pau seu viadinho, e chupei como se fosse de verdade, é realmente é muito parecido com um pau de verdade, enquanto mamava “seu pau” ela ia dizendo:muito bicha você é meu puto, viadinho gostoso, sabia que não era só gostar de usar shortinho socado no rabo, vámos, diz a verdade, já deu esse cuzinho não é? Claro que já é já chupou muito caralho por aí né seu viadinho, respondi acenando a cabeça que não, não ia confessar né! levei uma bofetada na cara, fala a verdade!!!! gritou e deu outro tapa na minha cara enfiando o consolo na minha garganta, acenei com a cabeça dizendo que sim, ela deu uma gemida e disse, que tezão, meu marido é um viadinho, estou fudendo meu viadinho, subiu em cima de mim, e socou o consolo no meu cuzinho, me fudendo como um macho, socava tão gostoso que eu gemia de tesao, socava e surrada minha bunda dando palmadas fortes, vou gozár eu disse, ela pós a mão e aparou meu gozo, tirou o pau do meu cu e lambuzou o consolo com minha porra, chupá meu pau seu viadinho, disse puxando meus cabelos e me conduzindo até o pau dela, cai de boca no consolo e mamei, adoro gosto de porra, me deu um tapa e me beijou, e me disse que sabia que eu era muito viadinho e que adorou saber que eu já tinha dado a bunda mas que a partir daquele dia o meu cu era dela e ela seria o meu macho, e que eu só daria pra quem ela deixasse, rimos e nos beijamos, entendi que ela, a partir de agora, iria escolher meus machos, é, sou um homem de sorte, amo ainda mais minha esposa.

Sexo por Telefone

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *